Primeira Foto Segunda Foto Terceira Foto Terceira Foto Terceira Foto Terceira Foto

QUEM SOMOS

O que é Pescar?

Pescar é uma oportunidade de lavar a alma em ar puro de explendor e da maravilha da natureza, pescar traz paciência e inspiração, faz a pessoa zombar do lucro, traz o aplacamento do ódio e elevação do espírito, e traz o júbilo de não se ter de decidir nada até a semana que vem.

NÃO É POR ESPORTE,
NEM É POR LAZER.
POR PURA NECESSIDADE,
PESCO PARA MELHOR VIVER.

As dez dicas do bom pescador:

I - Procure compreender a natureza para viver idealmente com ela. Quanto melhor você conhecer mais amará e mais ela retribuirá a sua dedicação.
II - Sempre que você puder, denuncie a poluição de um Rio, de uma Baía, de um Lago, de um Riacho. Salvar os peixes é lutar pela qualidade de vida ambiente.
III - 0 bom pescador procura associar-se a grupos, a clubes, a agremiações ou a circulo de amigos e jamais pescar sem a devida licença.
IV - Denuncie sempre que saber, aqueles que violam as leis da pesca ou as leis da natureza, maus pescadores, que usam métodos furtivos e violentos na pesca devem ser denunciados ás autoridades e punidos, a fim de que preservemos a natureza para os nossos filhos e todas as gerações futuras.
V - Volte a colocar na água os peixes pequenos ou aqueles que não irá servir para a sua alimentação.
VI - Faça respeitar respeitando a propriedade alheia, feche as porteiras, não destrua as árvores nem cercas, não maltrate animais, evite poluir as margens e praias de rios, costas marítimas, lagoas, ou banhados.
VII - Sempre que possível, dê preferência às iscas artificiais.
VIII - Se você souber ou não nadar, não importa, jamais deixe de levar o seu salva vidas em suas excursões de pesca.
IX - Respeite o seu companheiro de pescaria e evite ser desleal.
X - Mesmo sozinho, na solidão do rio ou mar seja um grande esportista, conduzindo-se
com toda dignidade e correção.

Incorrem em grande erro todos aqueles que supõem que tudo na pesca é pescar. Este é o corpo da arte, porque a sua alma e o seu espírito está naquilo que o pescador vê e sente no murmúrio das águas; na música dos pássaros; na beleza simples das flores selvagens ; na atmosfera revigorante que os envolve.

A pesca é tudo isto e, não somente o ato de fisgar o peixe, o que rende à nobre arte uma fonte de constante e sempre crescente prazer.
Para o pescador a medida cheia das suas delícias não depende apenas da sua técnica na pratica desta arte a menos que ele possa, do mesmo modo, apreciar as belezas da natureza e descobrir na mesma a natureza de Deus, e uma correta compreensão do seu refinamento e possibilidade de elevação.

George Dawson

Obrigado pela visita.
MEIRELLES
Criação de Sites Profissionais – em Campinas, São Paulo - SP